Mike Brown vence Daniel Pineda na abertura do UFC 146, em Las Vegas

Lutador americano derrota compatriota por decisão unânime dos jurados.

 

 

Diante de um grande público e com muita expectativa em volta, os americanos Mike Brown e Daniel Pineda deram início oficialmente ao UFC 146, neste sábado, no MGM Grand Garden Arena, em Las Vegas. Após um combate equilibrado, o primeiro conquistou a vitória por decisão unânime dos jurados. O duelo foi válido pela categoria peso-pena do Ultimate.
Foi a 25ª vitória (2-3 no UFC) na carreira do veterano Mike Brown, de 36 anos, que é ex-campeão do WEC. Ele tem oito derrotas. Já Pineda, dez anos mais novo, sofreu o oitavo revés, o primeiro em três lutas na organização, contra 17 triunfos no cartel.
A luta: Brown superior na maior parte do tempo
Após quase um minuto de estudo no início do combate, os dois lutadores passaram a trocar bons golpes no octógono. Daniel Pineda acertou um direto, mas escorregou na hora de completar a combinação. Ele encaixou uma sequência de golpes, mas Mike Brown conseguiu derrubá-lo, caindo por cima. No entanto, Pineda usou a força e inverteu a posição, e a luta voltou a ficar em pé. Depois de levar dois diretos, Brown acertou um chute alto e partiu, com sucesso, para mais uma queda. Desta vez, ele se manteve na posição até o fim do round.
No início do segundo assalto, Pineda foi com tudo e disparou uma combinação de socos e chutes. Brown tentou a queda, mas caiu por baixo. Ele tentou a guilhotina, mas não achou a posição. A luta voltou para o alto, e Pineda, pressionado contra a grade, sentiu uma sequência de socos do adversário. Pineda achou forças e disparou alguns bons golpes, mas foi derrubado. Por cima, Brown castigou o rival até o final.
No terceiro, Pineda levou uma joelhada na linha de cintura e quase foi à nocaute. Brown aproveitou o momento ruim do oponente e voltou a castigá-lo com socos e cotoveladas. Quase indefeso, Pineda tentava segurar a cabeça de Brown junto de si próprio para evitar em estrago maior. Em um movimento sensacional, Pineda pegou as costas do rival e tentou o mata-leão, mas não encaixou o golpe. Ele inverteu a situação e o castigou por dois minutos. Mas não dava mais tempo para muito, e os três jurados deram vitória a Mike Brown por 29 a 28.



 

Nenhum comentário: