Myke Carvalho leva o único ouro do Brasil no Pré-Olímpico de boxe

Seleção sai da seletiva para Londres-2012 com quatro medalhas e a formação de uma equipe recorde de sete pugilistas para os Jogos Olímpicos.

O pugilista Myke Carvalho conquistou neste sábado a única medalha de ouro da seleção brasileira no Pré-Olímpico das Américas. O paraense derrotou o mexicano Oscar Molina por 15 a 10 e subiu ao lugar mais alto do pódio no Maracanãzinho, no Rio de Janeiro. O Brasil ainda levou duas pratas, com Julião Neto e Yamagushi Florentino, e um bronze, com Robenílson Jesus.
Contra Molina, Myke (-69kg) fechou com chave de ouro seu desempenho na competição. O paraense foi superior no primeiro round e largou na frente com 4 a 1. Em seguida, o brasileiro precisou segurar o ímpeto do adversário e, mesmo assim, saiu vencedor nos dois últimos rounds (6-5 e 5-4), fechando a luta em 15 a 10 a seu favor.
- Foram tensos os campeonatos. Tinha mais que a obrigação de ir para a terceira Olimpíada,. me cobrava muito por isso. Queria estar em Londres e graças a Deus consegui. Estamos carentes de uma medalha no boxe e, se Deus quiser, vamos trazer o ouro - disse Myke, ao SporTV, lembrando o terceiro lugar de Servílio de Oliveira no México-1968.



Também pelas quartas de final, Julião Neto (-52kg) derrotou o venezuelano Yefferson Jose Perez Rodriguez por 17 a 9 e está a uma vitória de conseguir a vaga. Ele enfrenta o equatoriano Jose Luis Meza Ochoa na sexta-feira pelas semifinais. Os finalistas garantem vaga nos Jogos.
Já Gidelson Oliveira (+91kg) não teve o mesmo destino. Apesar de um primeiro round igual, que terminou em 4 a 4, o brasileiro perdeu para o americano Dominic Breazeale por 18 a 12 e não tem mais chances de ir a Londres-2012. Esta categoria classifica somente os três primeiros colocados.
Com seis pugilistas ao todo, a seleção brasileira, além de Myke Carvalho, conta com Yamaguchi Florentino (-81kg), Robenílson Vieira (-56kg), Everton Lopes (-64kg), Esquiva Falcão (-75kg) e Róbson Conceição (-60kg).


 

Nenhum comentário: