Após 'relaxada' por conta de lesão, John Macapá sofre para cortar peso

Amapaense do TUF agravou problema no joelho durante reality e chegou a 20kg acima do limite da divisão. No UFC 147, quer 'matar ou morrer'.

 

 

Um dos lutadores mais quietinhos do The Ultimate Fighter Brasil - Em busca de campeões, John "Macapá" Teixeira quase passou desapercebido pelo reality show, não fosse uma luta equilibrada contra Rodrigo Damm, vencida pelo capixaba numa polêmica decisão dividida. O sumiço do amapaense não foi por acaso: durante as filmagens, agravou uma lesão no menisco do joelho, que o afastou dos treinos pelo restante do programa. Com o tempo livre, acabou ganhando peso e chegou a 86kg, cerca de 20kg acima do limite de peso de sua categoria, de 66,2kg.
Convocado para enfrentar Hugo Wolverine no UFC 147, nesta semana, Macapá precisou se livrar rapidamente do peso extra. Acostumado a descer de 81kg - ou seja, quase 15kg - o lutador garante que não sofreu tanto. Apesar disso, passou os últimos dias treinando com roupas especiais de plástico e coberto por cobertores e toalhas para suar bastante e chegar à marca necessária.
- Não estou neurado, vinha bem dentro desse peso desde a minha casa, estava até mais leve, mas devido à viagem e à mudança de clima, minha garganta secou bastante, então ingeri um pouco mais de líquido e subi mais um quilo. Mas estou tranquilo, ainda tenho alguns dias para a luta, só preciso baixar mais 5kg, até menos, então vou bater tranquilinho - disse Macapá.



 

O peso-pena está extra motivado pela nova oportunidade de conquistar um espaço no UFC, especialmente para provar que deveria ter sido declarado vencedor no duelo com Damm. Macapá entende que Wolverine, perdedor de uma decisão também polêmica contra Rony Jason na semifinal, também virá mordido.
- É um incentivo para mim. Depois da polêmica que ficou da última luta, venho com muito mais vontade e uma responsabilidade muito maior. Estou representando meu estado, sou o único nortista que entrou no TUF, então é uma honra estar neste evento final. Vou lutar contra um excelente atleta, um cara muito raçudo. Vim com muita vontade, para matar ou morrer, e sei que ele deve estar sendo pressionado bastante do outro lado também. Com certeza vai ser uma excelente luta. Vou mostrar uma melhora maior ainda em relação à última luta - prometeu.
O UFC 147 terá ainda as finais do reality show The Ultimate Fighter Brasil - Em busca de campeões, entre Cezar Mutante e Serginho Moraes, e entre Rony Jason e Godofredo Pepey. A TV Globo e o Combate transmitem o evento, e o SPORTV.COM acompanha em Tempo Real.
 
CARD PRINCIPAL

Wanderlei Silva x Rich Franklin
Cezar Mutante x Serginho Moraes
Godofredo Pepey x Rony Jason
Fabricio Werdum x Mike Russow
Yuri Marajó x Hacran Dias
 
CARD PRELIMINAR

Gasparzinho Medeiros x Rodrigo Damm
Delson Pé de Chumbo x Francisco Massaranduba
John Macapá x Hugo Wolverine
Thiago Bodão x Leonardo Macarrão
Marcos Vina x Wagner Galeto
Felipe Sertanejo x Miltinho Vieira

Nenhum comentário: