Empate entre Sertanejo e Miltinho abre card do UFC 147, no Mineirinho

Público, que comparece em peso, vaia bastante pedindo ação dos atletas. Jurados discordam sobre resultado do combate, e igualdade prevalece.

 

 

Diante de um animado e exigente público no Mineirinho, em Belo Horizonte, Felipe Sertanejo e o estreante Miltinho Vieira tiveram a honra de abrir o card do UFC 147, na noite deste sábado. No entanto, no encontro marcado pela antiga rivalidade entre as equipes Chute Boxe e Brazilian Top Team (BTT), ninguém comemorou. Após três rounds equilibrados, os jurados consideraram que o duelo válido pela categoria peso-pena foi empate (29 a 28 Miltinho, 29 a 28 Sertanejo, e 28 a 28).
Foi a primeira igualdade da carreira de Sertanejo, de 24 anos, que tem 14 vitórias, duas derrotas e duas lutas sem resultado ("no contest"). Ele já havia lutado duas vezes no Brasil, ambas no Rio: perdeu para Yuri Marajó em agosto de 2011, e venceu Antonio "Pato" em janeiro de 2012. Miltinho, de 32 anos, já havia empatado uma vez - tem 13 triunfos e sete reveses no cartel.
A torcida, louca para ver ação, já começou a vaiar logo após os 30 primeiros segundos, em que os os lutadores apenas se estudaram. Sertanejo, então, que havia ganhado aplausos ao entrar ao som de uma música da dupla Bruno & Marrone, tomou a iniciativa e disparou alguns socos no ar, mas foi quedado pelo rival. Por cima, Miltinho passou a socar a linha de cintura e a aplicar cotoveladas e socos no adversário, que não conseguiu sair da posição. No fim, o atleta da BTT tentou, sem sucesso, a guilhotina.
No segundo round, Sertanejo acertou uma joelhada voadora em cheio no rosto de Miltinho, que sentiu o golpe. Trocando chutes no corpo, os dois travaram um combate em pé, com Sertanejo um pouco mais agressivo do que no primeiro assalto. A luta perdeu em trocação, e o público não perdeu a oportunidade de vaiar. Mas foi quando Miltinho acertou um chute rodado no rosto do oponente, que caiu, mas ainda seguiu no duelo.
O equilíbrio prosseguiu no terceiro e último round, e os lutadores foram bastante cautelosos para evitar que fossem pegos de surpresa com algum golpe certeiro. Sertanejo teve um bom momento ao encaixar uma combinação de dois socos e um chute, balançando o estreante. Os dois foram para o chão, desta vez com Sertanejo por cima, mas novamente sem muita efetividade. No fim das contas, os jurados deram empate de forma dividida: Howard Hughes deu 29 a 28 para Miltinho, Chris Watts deu 29 a 28 para Sertanejo, e Aaron Chatfield deu 28 a 28. Para este último, Miltinho venceu o primeiro round por 10 a 8, e Sertanejo ganhou os dois seguintes por 10 a 9.



                                     Jurado deu 10 a 8 para Miltinho no primeiro round

 

Após o anúncio do empate, Miltinho afirmou que ganhou o primeiro assalto e que os outros dois foram bem disputados. Sertanejo, por sua vez, reclamou bastante da decisão dos jurados:
- Eu discordo do resultado. Acho que ganhei o segundo e o terceiro rounds, talvez o primeiro, mas os juízes viram uma luta que não aconteceu. Acho que não houve nada de errado com a minha estratégia. Eu ganhei e vou continuar nesse caminho.

 

Nenhum comentário: