No primeiro duelo entre lutadores do TUF, Marcos Vina nocauteia Galeto

Curitibano passa sufoco nos dois primeiros rounds, mas se recupera bem no terceiro e arranca aplausos da torcida no Mineirinho.

 

 

O primeiro duelo do UFC 147 envolvendo lutadores do TUF Brasil teve os paranaenses do peso-pena Marcos Vina e Wagner Galeto, e o primeiro levou a melhor e conseguiu a vitória no terceiro round após passar sufoco nos dois primeiros. Neste sábado, no em Belo Horizonte,Vina derrotou o rival com um nocaute técnico depois de uma sequência de joelhadas e socos a 1m04s do último período.
- Primeiro de tudo, essa vitória foi incrível. Eu não posso sequer comparar a sensação de estar aqui com a sensação de estar dentro da casa (do TUF). Agora, eu tenho que ter minha esposa e minha família comigo. Este é verdadeiramente um dom de Deus - disse Vina após o combate.
Wagner Galeto pareceu estar mais concentrado desde o início. Foi melhor na trocação no primeiro round e conseguiu derrubar o adversário na metade do período. Galeto chegou à montada, mas não definiu o combate, mesmo chegando perto de encaixar um katagatame.
No segundo período, filme repetido. Galeto seguiu melhor na trocação e de novo derrubou Marcos Vina. No solo, ele trabalhou o ground and pound por todo o momento, mas de novo pecou na hora de decidir. Para completar, Vina acertou alguns bons golpes, mesmo estando por baixo.
Marcos Vina começou a virada no terceiro período. Foi com tudo para cima de Wagner Galeto, buscou o clinch e acertou duas boas joelhadas na altura do estômago do rival. Na sequência, Vina aplicou um direto que desestabilizou Galeto e depois completou o serviço com uma sequência de socos, obrigando o árbitro Herb Dean a interromper o combate por nocaute técnico.
Aplaudido de pé, Vina deixou vibrou muito e deixou o octógono mancando.
 
Eliminação no TUF

Durante o "The Ultimate Fighter Brasil - Em busca de campeões", Galeto e Vina foram eliminados nas quartas de final. O primeiro caiu para Godofredo Pepey, enquanto o segundo perdeu para Hugo Wolverine. Vina ainda teve uma segunda chance, depois que Rodrigo Damm se machucou, mas sofreu novo revés, nas semifinais, desta vez para Pepey.

 

Nenhum comentário: