Michael Bisping elogia Weidman, mas o desafia e quer Anderson Silva

Inglês elogiou vitória do americano na última quarta-feira, mas usou o twitter para desafiar o lutador, visando uma oportunidade de disputar o cinturão.

 

                                              Michael Bisping desafiou Weidman pelo Twitter


A vitória arrasadora de Chris Weidman continua repercutindo. Após nocautear Mark Muñoz na última quarta-feira, pelo evento-principal do UFC: Muñoz x Weidman, em San Jose, o americano ganhou moral com Dana White, presidente do UFC, e é um dos cogitados a ser o próximo adversário de Anderson Silva, pelo cinturão dos pesos-médios.
Quem não gostou nada foi Michael Bisping. O lutador usou sua conta no Twitter para parabenizar Weidman, mas foi direto e o desafiou para um combate valendo a chance de disputar o título da categoria.
- Weidman esteve ótimo na noite de quarta, mas desafiante número um? Neste caso, quero lutar contra ele e mostrar que eu sou o desafiante. Vamos lutar - disse Bisping, no microblog.
Michael Bisping tem um cartel de 22 vitórias e apenas quatro derrotas. No UFC, são 15 lutas, com 11 vitórias. O lutador, de 33 anos, vinha de quatro triunfos consecutivos, mas perdeu a chance de disputar o cinturão dos médios ao ser derrotado por Chael Sonnen, em janeiro, por decisão unânime.

Nenhum comentário: