Raphael Assunção brilha e vence Tamura por nocaute técnico no UFC

Brasileiro domina luta e conquista segunda vitória como peso-galo no primeiro combate do UFC: Muñoz x Weidman, 11 meses após última atuação.

 

 

O brasileiro Raphael Assunção abriu o UFC: Muñoz x Weidman com uma bela vitória sobre o japonês Issei Tamura, por nocaute técnico no segundo round, em San Jose, EUA, nesta quarta-feira. O lutador pernambucano não mostrou sinais de "ferrugem" pelos 11 meses sem lutar e conquistou sua 18ª vitória na carreira, a segunda entre os pesos-galos.
Raphael Assunção começou com chutes baixos, rodando por fora, enquanto Tamura mantinha-se com uma postura defensiva. Numa sequência de socos, o brasileiro quase levou a pior, quando o japonês acertou um golpe de encontro em seu rosto. O pernambucano, porém, não se abalou, seguiu acertando bons chutes baixos na perna esquerda de Tamura e deu um chute rodado na barriga do adversário. O japonês buscou mais o combate nos dois minutos finais, mas Assunção seguiu melhor: mandou o rival para longe com outro chute rodado e defendeu bem uma tentativa de queda.
O segundo round começou da mesma forma, com chute baixo do brasileiro. Tamura se esquivou bem de um chute rodado alto, mas o pernambucano se recuperou bem e acertou um cruzado de esquerda fulminante no queixo. O japonês caiu e Assunção partiu para cima. Tamura tentou se levantar, mas logo voltou à lona e o árbitro decretou o final, por nocaute técnico em apenas 25s.
- Eu estou treinando todos os dias, trabalhando os conceitos e melhorando sempre. Ele estava tentando prever meus chutes e encurtar a distância, mas o peguei num momento de bobeira - afirmou Assunção ao final do combate.
Raphael Assunção tem 18 vitórias e quatro derrotas no cartel. Após fazer quase toda sua carreira no peso-pena, ele estreou entre os pesos-galos no UFC Rio 1, em agosto de 2011, com triubnfo sobre Johnny Eduardo. Desde então, o pernambucano lidou com lesões e só pôde voltar a lutar nesta quarta-feira. Já Tamura havia estreado no Ultimate em fevereiro passado, no UFC Japão, quando derrotou Tiequan Zhang por nocaute. Ele tem agora sete triunfos e três derrotas.

Nenhum comentário: